sexta-feira, 16 de outubro de 2009

Isto não é um baby-blog.

Mas o meu filhote, agora que quase domina a fala atira-me com frases que, sendo de uma doçura extrema, cortam-me o coração!
Ontem, ao telefone, estando eu no trabalho:
"Olá filhote! Estas bem, como foi a escolinha?"
"Oláááá! Binquei com as motas!! Tás a tabalhaie?"
"Sim meu amor, estou no trabalho.."
"O Gabi vai buscar a ti, xim??"
Hoje, ao despedir-me dele, de manhã:
"Até amanhã filho. O papá vai trabalhar..."
"NÃO!"
"Não?... mas tem que ser piolhinho..."
"Não vais. Brinca comigo na caminha do Gabi..."
E assim eu vou, com um frio no coração.

10 comentários:

Melissinha disse...

óóóóoóó

A Natureza é sábia em dotar os monstrinhos de tanta fofura. Muito sábia.

Cindy disse...

É por estas e por outras que eu não fazia ideia de como era uma criança e os sentimentos de um ser tão pequenino... é a vida e temos que aproveitar os momentos em que estamos com eles!!

Beijocas

Ana C. disse...

É absolutamente impressionante como é que um ser tão pequeno consegue chegar-nos bem dentro do coração com meia dúzia de palavras. Eu entendo-te :)

fiel leitora disse...

Que delícia, Miguel!
Amor em estado puro!

tinóni disse...

As minhas ainda não falam, mas quando o Filipe sai para trabalhar também já fazem uns olhinhos que dizem tudo...aí o que me vai custar quando começar...beijos aos 3

Lia disse...

oh... tão fofinho! Coisa mai' boa...

continuando assim... disse...

:) ... e vai ser assim até ao fim da tua vida :)

prepara-te

bj
teresa

Miss Complicações disse...

Aprecia estes momentos. Em breve não é contigo que quererá brincar ;)
Tens é de começar a pensar em arranjar uma mana para o rapaz. ;)

costela de adão disse...

Que doçura de filhote! Não tenho filhos por isso apenas posso imaginar o nó o estômago com que saíste de casa.

DoceSussurro disse...

Oh
Que delícia...

Beijinho*