domingo, 7 de novembro de 2010

Histórico para uns, Humilhante para outros!

Um, dois, três, quatro... CINCO!!
Perdoem-me, eu não costumo falar aqui de futebol mas hoje, hoje meus amigos assisti a um jogo de uma vida! Que equipa, que jogadores! Podem falar do Hulk (gozem agora com o Pintinho por causa da cláusula de 100 milhões!) que é fenomenal mas hoje podem começar no Helton e acabar no Falcao, foram todos sublimes! E, este ano sim, o Futebol Clube do Porto demonstra a sua essência: raça, querer, coragem, nunca desistir. Aliado a artistas como Hulk, Falcao, Varela, Beluschi e Moutinho (então? 11 milhões parece pouco agora não é?) esta raça só pode dar nisto: quem vier, morre! E depois, claro, o adversário. Sou muito racional e equilibrado na minha vida excepto no que diz respeito a uma coisa: futebol. E por isso nem falo muito disso. Mas hoje, após meses de glorificação de um clube de bairro (eu moro em Lisboa, Benfica é um bairro) que até já era Campeão Europeu (isso não é para quem fala muito, é para quem JOGA muito) antes da época começar, após tantos ataques e jogadas de imprensa (aquele comunicado a pedir aos adeptos para boicotarem os jogos é ridículo. A ameaça de faltar ao jogo se fossem "atacados" é só estupidez em bruto!), após tanto menosprezo, esta vitória é um murro na boca de muita gente (Luís Filipe Vieira que foi para presidente das papoilas saltitantes porque nunca consegui ser uma mero dirigente do FCP e Rui Costa, que respeitei muito como jogador mas que se revela um verdadeiro sacana dos túneis.). E é verdadeiramente um prazer ouvir os comentários tresloucados dos comentadores do jogo, que não são capazes de esconder a sua preferência clubística, o desânimo dos analistas e a sua clara dificuldade em verbalizar a inequívoca superioridade do Porto, as desculpas esfarrapadas. Hoje não houve casos em que se desculparem (quando muito há um penalty contra os vermelhóides que não foi assinalado), não houve zonas escuras. A luz do jogo do Porto não deu margem para isso.
Depois, Jesus. Jorge Jesus anda triste, coitado. Aquela cagança do ano passado, onde está? Cabisbaixo, JJ. Também fico contente por finalmente ver provada a minha opinião acerca do JJ como técnico: vale zero! Foi campeão o ano passado? Pois foi, mas é preciso analisar o contexto. O Porto mais fraco dos últimos 10 anos, muitos jogos acabados a jogar contra 10 ou 9, muitos penaltys ao cair do pano e... o túnel da luz, pois claro!
Mas, desabafos feitos, quero louvar aqui a força do FCP, a raça, o querer. É o clube do meu coração, cresci a ser do FCP, não consigo abstrair-me das emoções que aquele símbolo transmite. Hoje sinto-me verdadeiramente orgulhoso em ser do FCP!!! POOOOOOOOOORTO!
Ainda estou a tremer de emoção, a rever os lances na minha memória, a ler todas as notícias relacionadas com o jogo. Não volto a escrever sobre futebol no blog. A não ser que este resultado se repita! Afinal, ainda temos a 2ª volta para jogar...

5 comentários:

Ana Sousa disse...

eu estou aqui aos saltinhos e nunca ansiei tanto por uma 2ª feira! os vermelhos devem estar roxos!!:p

Luh disse...

"Ora dá cá um
E a seguir dá outro
Depois dá mais um
Que só dois é pouco..."

isto ecoou pelo estádio no 4º golo x)))

Disseste tudo Miguel!Nada a acrescentar!

Fantasticamente Porto

Sílvia disse...

Oh pah foi lindo lindo lindo devias ter visto o pessoal a vibrar no estádio, foi brutal... Acho que nunca tive tanta pica a ver um jogo... que gozo :)

Susana disse...

Faço minhas as tuas palavras . Sublime .

gralha disse...

Melhor foi ganhar a Champions, pá!!! Isto é só o Benfica :)