domingo, 1 de fevereiro de 2009

Mais "Coisas que me irritam profundamente", levando mesmo à insanidade mental temporária com laivos de ideação homicida.

Hospital. Almoço. Cantina.
Almoço com um colega com quem não tenho particular afinidade. Mas OK, tento manter uma conversa minimamente aceitável durante o caminho, afinal, não há nada mais desconfortável do que almoçar em silêncio ou com uma conversa monossilábica:
"Então?O serviço hoje está pesado não é?
Pois.
E o Sr. Fulano-de-tal, melhorou?
Sim
Vais fazer a tarde?
Não.
Ok, ok.... (suspiro)"
Já eu dizia mal da minha vida por ter escolhido aquela hora para almoçar e eis que eu me sento e o rapazinho... senta-se ao meu lado!!! Uuuuiiii, como fico irritado quando me fazem isso!! Mas alguém consegue ter uma conversa decente sem estar frente a frente???!! Enfim...
Contudo, lá mudei eu de lugar... Como as minhas tentativas, os meus desbloqueadores de conversa se estavam a revelar infrutíferos... calei-me e mergulhei na sopa.
Sluuuurp, chhhhhhlurrp
Ai a minha vidinha... o gajo tá a sorver a sopa. Oh meu, abre lá a boquinha e enfia a colher lá pra dentro...
chhhhhhhhhhluuuuurp!
Queres ver!!! O gajo tá a fazer de propósito! E porque estou eu a olhar fixamente para boca do tipo! Merda! Sou mesmo masoquista... já não basta o som ser nauseante ainda estou a olhar... Porra pá! Mais valia ter vindo sozinho! CHIÇA PÁ, SENÃO PARAS COM ESSA MERDA NÃO TARDA NADA A ENFIAR-TE UMA SONDA NASOGÁSTRICA E ENFIAR-TE A MERDA DA SOPA PELA PORCARIA DO TUBO!!! JAVARDO!! BÁCORO!
Acaba a tortura. "Já acabaste? Então vamos tomar um cafézinho? Ah... não bebes café. Pois, sim, sim... ficas muito acelerado. Pois é, então vamos. Eu? Ahhh..... eu tomo lá no serviço."
Suspiiiiiiiiiiiiiirooooooooooo.

6 comentários:

undutchablegirl disse...

Se há coisa que me agonia é pessoas que fazem barulho a comer/beber. É que me dá mesmo nojo. Tive um colega dinamarquês que tinha o péssimo hábito de vir beber café para o meu lado. Mas nem bebia, sugava o líquido, eu ficava passada e muitas vezes tinha de dispersar, para não ter de lhe perguntar se o meu trabalho estava a incomodar o café dele.

Sílvia disse...

Pois isso de fazer barulho a comer/beber mete-me muittaaaaaaaaaaa confusão... Muita confusão mesmo. E depois estas pessoas que nem com desbloqueadores de conversa lá vão irrita-me profundamente...

Enfim, no comments...

bj*

Ana C. disse...

Pois a mim uma coisa a que tenho verdadeira aversão são aquelas pessoas que falam e vão formando nos cantos da boca saliva. Às tantas quando abrem a boca para falar a saliva acumulada já é tanta que se formam pequenos fios pegajosos. Ai não consigo continuar. Só de pensar no assunto já estou enjoada...
Obrigada por mais uma descrição primorosa do teu quotidiano :)

banita disse...

Todos somos obrigados a manter conversas de elevador, mesmo que não estejamos num elevador... é aborrecido!

Madrecita disse...

MUITO BOM! rolei de rir! a conversa toda valew um POST vocêdeveria estar feliz eu estoumuito agradecida por teres me feito rir as 2 da manhã hahahahahha vc é muito engraçado!

Bypassone disse...

Se há uma coisa que odeio mais que pessoas sem maneiras a comer, é "conversa de obriga"... Epá se vemos que o outro não está com vontade de falar e os ruídos nos incomodam... vamos pra outra mesa. Não?!