quarta-feira, 17 de março de 2010

Génios.

Hoje, durante mais uma corridinha, relembrei um dos álbuns que mais marcou a minha juventude e, por consequência, o meu primeiro verdadeiro Ídolo. "Nevermind" dos Nirvana marcou toda uma época e toda uma geração. Tudo nele era (é!) revolta, raiva, melancolia, desesperança, desespero e o título do álbum resume todo o sentimento de um homem: Kurt Cobain. Li algures que um filme vai retratar a sua curta vida. Acho bem, vou ver. E hoje, ao ouvir novamente músicas que estavam arrumadas numa gaveta na minha mente, os sentimentos que elas me causavam há quase 20 anos (!) voltaram! E então percebi: nunca serei um génio. A melancolia não mora em mim.

3 comentários:

Melissinha disse...

O Gus Van Sant tem um filme supostamente sobre Kurt Cobain, mas é um PÉ NO SACO.

sara disse...

boa ;) gostei :)

Ana C. disse...

Quando li o título do post pensei que ias dissertar sobre mim... Que decepção.