sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Respostas de Homem a Desafio panisgas.

Aparentemente não sou um tipo romântico. Pois que não sou! Sou um machista da pior espécie, um homem austero e insensível, um crápula da pior espécie! Só não bato na minha mulher porque as mulheres simplesmente não merecem o gasto de energia que isso acarreta. E, mesmo assim, colocam-me perante desafios panisgas. Então este é sobre abracinhos.
1 - Quem mais gostas de abraçar no presente?
Ora, no presente não há assim ninguém em especial. Mas no futuro? UUUUUUUi, no futuro o que eu gostaria de dar um abraço bem apertadiiiinho naquela bela moçoila que é a Beyoncé!! Isso é que seria um abraço prolongado!
2 - Quem nunca abraçarias?
Eu nunca abraçaria um funcionário lá do hospital. É baixo, gordo, faltam-lhe os quatro dentes da frente, é calvo e o cabelo que lhe resta está sujo e quebradiço. E cheira mal. A sério, cheira mal como poucas coisas que já cheirei (e lembrem-se que maus cheiros é comigo!), a ponto de ser capaz de se antecipar a sua chegada ou de adivinhar que ele já esteve presente naquela divisão. Cheira a mijo encardido de meses. Mora só com a mãe que, julgo ser já cadáver. Tenho reservas em apertar-lhe a mão. Nunca o abraçaria.
3 - A quem davas tudo para poder abraçar?
Dava tudo, mesmo tudo (há uma expressão que é elucidativa: "dava o e cinco tostões") para poder dar um forte abraço ao Gestor/Administrador/Paneleiro que, através de um despacho, condicionou o meu futuro próximo. Na minha mão direita seria portador de uma faca de mato.
4 - A quem davas o teu melhor abraço?
O meu melhor e mais sincero abraço está guardado para alguém que me é muito querido. Refiro-me obviamente ao criador da Internet que possibilitou os downloads ilegais de música, filmes e séries de TV bem como dos e-mails pornográficos com que passamos o tempo no trabalho. Caso contrário seria bem aborrecido manter o interesse deste trabalho de Estado garantido e relativamente bem remunerado. Na volta ainda teríamos que melhorar o atendimento ao público não?
Havia um selo todo maricas e umas regras quaisquer mas, homem que é homem não liga a essas merdices!!! AH!!! E mija de pé...

10 comentários:

Melissinha disse...

Inspiradíssimo.

Ana C. disse...

Quer-me parecer meu grande macho latino ingrato gozador com oferenda de selo e bruto como as casas, que o funcionário do hospital é o personagem perfeito para uma próxima história blogonoveleira...

Ana. disse...

Ahaha!
És um fala-barato!
;)

Miguel disse...

Ana C., que tal um pequeno "cameo" dessa personagem n'"O Palpitar da Paixão"? Talvez a Gina lhe fizesse o favorzito, hmmm?

Miguel disse...

Ana C., que tal um pequeno "cameo" dessa personagem n'"O Palpitar da Paixão"? Talvez a Gina lhe fizesse o favorzito, hmmm?

Pipoca dos Saltos Altos disse...

Fantástico sentido de humor...muito bom
Bjs

Anónimo disse...

Miguel, depois esfaqueias a gestorazinha de U.A.G. do meu Hospital?
Obrigadinha!
Um abraço!( Ou será melhor não?)
A.A.

continuando assim... disse...

eu também não abraçava esse...

gostei :)

Guilherme de Carmo disse...

lloooll!! mt bom!

Tasha disse...

HAHAHAHAHHAH!!! Um abracinho também, daqui pr'áí. Muito bom!!