quarta-feira, 9 de setembro de 2009

The Ugly Truth.

Com a chegada da querida sogra, de férias cá em casa, eis que surge a oportunidade de sair de casa sem a cria agarrada à perna! Sim, que isto de ser um casal com filhos sem família por perto tem as suas desvantagens. Mas enfim, uma oportunidade para ir finalmente ver uma invenção dessas mais modernas: o cinema.
E lá fomos. Porque a ocasião assim o pedia, um filmito romântico (pareceu-me que "Sacanas sem Lei" do Tarantino não iria proporcionar grande ambiente...)! Depois de bem acomodados chega um casalinho bem teen completamente in love que ocupa os lugares mesmo ao nosso lado. Ela mesmo no banco juntinho ao meu. O meu sentido de observação apurou-se e, num relance, observei-os. Ela, calça bem justa, top e com montes de acessórios coloridos. Ele, cabelo curto, bem constituído e com um ar vagamente aparvalhado. Beijinhos práqui, abracinhos práli e começa o filme. Eles continuam agarrados, ela de costas para mim com os braços ao pescoço dele. Abstraio-me deles e dedico a minha atenção ao filme. O clássico boy meets girl who hates him but they end up together in the end. A cada insinuação sexual vinda do ecrã eles riam audivelmente e ela (!) provocava-o com frases do tipo "Quando sairmos daqui vamos curtir bué!" ao que ele respondia com um esgar de cachorro que quer brincar: olhos esbugalhados e lingua de fora, a salivar. Não é que tenha visto esta expressão, no escuro da sala, mas imaginei-a claramente tais as insinuações e provocações da miúda!!
Chega o intervalo (esse flagelo que introduziram nos filmes!), os teens dedicam-se agora a verificar os seus sms recebidos. Recomeça a exibição e os lugares ao meu lado "pegam fogo"!! Grandes beijos com língua e mãos afoitas a procurar o tesouro escondido! Ela, puxando-o para si por cima das da divisória dos assentos, ele com as mãos a levantarem-lhe o top até aos ombros e o soutien desapertado! Apercebo-me que ele, finalmente, se decide a avançar, as suas mãos deslizam, decididas pelas costas da companheira e enfiam-se dentro das calças delas. Entretenho-me a pensar como será possível caber alguma coisa mais dentro daquele espaço de ganga quando... EH LÁ!!!! Ó PÁ.... está alguma coisa a tocar-me na perna... tu queres ver?!! As costas da mão do marmanjo esfregam vigorosamente a minha coxa!!! Ele não parecem muito importado com isso, deve ser por estar distraído com a qualidade dos diálogos das personagens! Cruzo a perna e coloco-me junto ao lugar da Mariana dando assim margem de manobra ao rapaz.
Ao fim de algum tempo, cansado, retomo a posição natural de sentado e... PORRA PÁ!! NÃO VÊS QUE ISSO JÁ NÃO É TERRITÓRIO PARA TI PÁ???!! Grito-lhe... mentalmente. Sim, sou um cobarde e passei o resto do filme todo torto.
Ao casalinho apaixonado gostaria de deixar uma mensagem: ARRANJEM UM QUARTO!!!

8 comentários:

Melissinha disse...

Se tivesses visto o Sacanas sem lei, nem tinhas dado pelo porn ao teu lado. Filmaço do caneco.

Reporter Da Vida disse...

LOOL

finalista disse...

LOOOOOOL

o quanto me ri!!!!

xD

Anónimo disse...

isso tb já me aconteceu no cinema LOOL! Mas confessa lá, a noite depois tb te correu muito melhor...;P

PurpleFloor disse...

Aconteceu-me o mesmo. No mesmo dia. No autocarro. Á minha frente. Casal teen, ela super "papa-me-que-eu-tou-a-pedi-las", ele bem constituido mas ar aparvalhado. Meteram-se de todas as maneiras possiveis para beijos e abraços e lambidelas que os dois assentos permitiam. Á minha frente.


Portanto, secalhar ate eram os mesmos!...

Myosotis disse...

Ahaha, fartei-me de rir :)

DeepGirl disse...

looooooooooooooooool Já não posso maaaaaaaaaaaaaaaaaaaaais...
Ahahahah

DAI-LHES LUZ!!!

PAXCS disse...

Opá! Tenho que ter cuidado a ler o teu blog ou ainda dou em bipolar!

Como estou a ler os textos do principio do blog para o fim, assim de enfiada, no espaço de algumas horas (eu sei, muito tempo livre, ou então falta de sono, ou então...outra coisa qualquer) já chorei a rir e fiquei (post dos 5 segundos), já chorei de tristeza (post do limbo) e já fiquei com os abdominais a doer quando cheguei ao "EH LÁ!!!! Ó PÁ.... está alguma coisa a tocar-me na perna... tu queres ver?!!".

Sublime. Eu também tenho aspirações a escrever uma coisas engraçadas, aliás comecei um blos que foi morrendo (mas ainda não foi enterrado) por falta de inspiração, mas bolas, até atingir o teu nível tenho muito que pedalar...

este blog só merece duas palavras im - pecável!